SINTRAS - TO

Sintras cobra posicionamento do Comitê Executivo sobre a implementação dos 25% aos servidores

Desde quando foi implantado em março deste ano, os servidores estão sem nenhuma informações de quando será feita a implementação do reajuste.
24/11/2023 22/02/2024 10:34 713 visualizações

O governador Wanderlei Barbosa instituiu o Comitê Executivo para tratar do reajuste dos 25%, em março deste ano, Sintras solicita uma reunião para tratar da demanda, pois até o momento nenhuma deliberação e nenhum esclarecimento foram dados aos servidores de quando será implementado o reajuste e como serão pagos os passivos (retroativo) do direito.

 

O Comitê Executivo foi criado através do Decreto n° 6.591 de 10 ainda no mês de março deste ano de 2023, para discutir a Decisão Proferida do Supremo Tribunal Federal no âmbito da ação Direta de inconstitucionalidade de n° 4013/TO.

 

Conforme o presidente do Sintras, Manoel Pereira de Miranda, logo após a publicação da instituição do Comitê Executivo, a direção do sindicato encaminhou ofício n° 222/23, no dia 17 deste mês, solicitando ao governo estadual a inclusão do Sintras na Comissão. “Queremos participar das discussões para contribuir no processo de realização de estudos, levantamento de dados, produção de relatórios que subsidiará as providências governamentais acerca das demandas decisivas quanto aos nossos filiados abrangidos pela Ação Direta de Inconstitucionalidade (ADI) que discute o reajuste dos 25%”, pontuou Miranda.

 

O governo atendeu à solicitação do sindicato respondendo com o ofício n° 1458/2023/GABSEC afirmando que a participação do Sintras será extremamente profícua ao funcionar como interlocutor no tocante aos interesses da categoria durante o processo de implementação da referida medida.

 

E ainda conforme a presidência do sindicato, assim que a diretoria obter deliberações sobre o assunto e informações concretas do governo será informado aos servidores filiados a entidade.