Câmara Técnica reúne e SINTRAS mantém proposta de não alteração de direitos adquiridos

Autor: Redação Sintras - Publicado: 17/06/2021
Share

Em mais uma reunião da Câmara Técnica de Revisão dos Planos de Cargos, Carreiras e Remuneração dos servidores da saúde, o presidente do SINTRAS, Manoel Pereira de Miranda, membro titular da câmara técnica afirma ser necessário que o governo faça aplicação de todas as progressões atrasadas para então revisar falhas técnicas no plano de carreira.

Durante a reunião que aconteceu de forma presencial nesta quinta-feira,17, resultou que será apresentado uma proposta do plano de carreira para futuros servidores.

Conforme Manoel Miranda o PCCR pode até ter falhas técnicas de redação que ora dificulta a interpretação da Lei 2670/2012, mas é indiscutível alteração do plano no que refere aos direitos adquiridos como as tabelas e seus percentuais.

Por isso ele diz como representante do sindicato e conhecedor das lutas e o quanto custou alcançar as conquistas dos servidores da saúde é inadmissível a retirada de direitos.

“Não aceitaremos modificações que prejudicam os servidores como alteração na contagem dos interstícios, forma de aplicação das progressões e os percentuais definidos na lei. O plano já foi revisado em 2012 com amplitude nestes campos”, frisa Miranda.

0 0 votes
Article Rating
Subscribe
Notify of
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments

(63) 3224-4161 / 3224-6284 / 0800 703 2037
sintras-to@uol.com.br

405 Norte, Alameda 08, lote 01, Conjunto HM3
CEP 77002-018 - Palmas-TO

Copyright®1989 - 2021 SINTRAS - Sindicato dos Trabalhadores em Saúde no Estado do Tocantins.

Criado por: