Decisão final do STF concede os 25% para filiados do SINTRAS

Autor: Redação Sintras - Publicado: 19/07/2021
Share

O Supremo Tribunal Federal emitiu decisão final reconhecendo o direito de aplicação dos 25% aos servidores chamados “novos concursados”.

Através da ação do SINTRAS de nº 5012076-22.2011.827.2729 impetrada em 2011 será concedido aos servidores públicos do Tocantins o direito dos 25% mais os reflexos nas férias e 13º incluindo retroativos de todo o período, juros e correção monetária.

O presidente da entidade ressalta que esta é uma vitória esperada pelos servidores. “Buscamos um tratamento isonômico e o ressarcimento das perdas monetárias causados pela legislação que retirou o direito dos novos servidores públicos da saúde empossados desde 2010”, diz o presidente Manoel Pereira de Miranda.

Quem tem direito?

Os 25% foi concedido pela Lei de nº 1.861/2007 que gerou o direito aos servidores empossados antes do ano de 2010. Mas o governo negou esse direito aos “novos concursados” que tomaram posse posteriormente e imediatamente o sindicato entrou com a ação para garantir os referidos valores a categoria.

E para garantir esse reajuste de salário o servidor deve estar incluído no quadro de filiação da entidade que orienta aos que ainda não fazem parte devem procurar o sindicato o mais rápido possível para dar seguimento aos trâmites para concessão do reajuste.

TJ do Tocantins acatou o direito

A justiça do Tocantins já havia reconhecido o direito ao reajuste de 25% no vencimento destes servidores (empossados após dez/2008), através da ação movida pelo SINTRAS-TO. Só faltava mesmo a decisão final do STF.

Conforme sentença dada em 07/02/2018, o Juiz de Direito reconheceu haver ofensa frontal aos princípios constitucionais do direito adquirido e da irredutibilidade de vencimentos dos novos concursados que não se beneficiaram do reajuste de 25% concedido pela Lei 1861/07, entendendo que o referido acréscimo já havia sido incorporado aos salários da categoria, o que vinha sendo negado pelo Estado do Tocantins.

Com a ação o sindicato contestou a atitude do Governo do Tocantins na época requerendo uma retratação da gestão estadual no caso.

0 0 votes
Article Rating
Subscribe
Notify of
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments

(63) 3224-4161 / 3224-6284 / 0800 703 2037
sintras-to@uol.com.br

405 Norte, Alameda 08, lote 01, Conjunto HM3
CEP 77002-018 - Palmas-TO

Copyright®1989 - 2021 SINTRAS - Sindicato dos Trabalhadores em Saúde no Estado do Tocantins.

Criado por: