Olyntho Neto pede vistas na MP da data-base do executivo que segue para a Comissão de Defesa do Consumidor e Sintras convoca base

Autor: Redação Sintras - Publicado: 09/10/2019
Share

A Medida Provisória com índice de 1% da data-base dos servidores públicos do poder executivo do Estado acabou de passar pela Comissão de Finanças da Assembleia Legislativa. E com pedido de vistas do deputado Olyntho Neto (PSDB), foi encaminhada para a Comissão de Defesa do Consumidor e Serviço Público.

O deputado Nilton Franco, que é presidente da Comissão de Finanças na AL sempre defendeu o índice de 5,07%, mas o parlamentar, Olyntho Neto, pediu vista no projeto compactuando com o Governo propondo somente 1% para os servidores públicos de todos os poderes.

Logo, às 14h, no Plenarinho da Assembleia Legislativa, a MP irá tramitar na Reunião da Comissão de Defesa do Consumidor, onde as entidades sindicais convocam os servidores para estar presentes e unir forças com os representantes de suas bases.

Conforme o presidente do Sintras, a proposta do governo é injusta e convoca os servidores para retornaram na Al. “Não vamos desistir e precisamos estar presentes, servidores da saúde, para mostrarmos nossa insatisfação e ratificar que um índice justo, é de 5,07% para reajustar nossos salários”, convoca ele.

O projeto após passar pela Comissão de Defesa do Consumidor, presidida pelo deputado Elenil da Penha (MDB), seguirá para o plenário para deliberação final.

A proposta do governo passou primeiro pela Comissão de Constituição e Justiça, presidida pelo Deputado Ricardo Ayres que também é da base do governo, portanto, seu voto foi a favor de 1% para data-base 2019 dos servidores públicos.

Deixe um comentário

avatar
  Subscribe  
Notify of

(63) 3224-4161 / 3224-6284 / 0800 703 2037
sintras-to@uol.com.br

405 Norte, Alameda 08, lote 01, Conjunto HM3
CEP 77002-018 - Palmas-TO

Copyright®1989 - 2019 SINTRAS - Sindicato dos Trabalhadores em Saúde no Estado do Tocantins.

Criado por: